Formulário de procura

O Veterinário responde

Veja aqui as mais populares e mais recentes perguntas feitas ao nosso veterinário.

Pergunta enviada

O nosso veterinário responderá à sua questão em breve.

Saiba tudo
sobre nutrição,
saúde e bem-estar
do seu animal de
estimação.

Conheça o nosso veterinário

Dr. Carlos Sousa

Carlos Sousa, licenciou-se pela Faculdade de Medicina Veterinária de Lisboa em 1991, realizando um sonho que alimentava desde criança.

Completou a sua licenciatura com o estágio curricular, na Faculdade Veterinária de Leon, em Espanha, e no Instituto Veterinário do Parque, em Lisboa.

Trabalhou na União Zoófila de Lisboa, no Consultório Veterinário do Barreiro e no Hospital Veterinário dos Foros, antes de realizar um internato de um ano na École Veterinaire D’Alford, em França, nas áreas de cirurgia, ecografia e medicina interna de animais de companhia.

Carlos Sousa, licenciou-se pela Faculdade de Medicina Veterinária de Lisboa em 1991, realizando um sonho que alimentava desde criança.

Completou a sua licenciatura com o estágio curricular, na Faculdade Veterinária de Leon, em Espanha, e no Instituto Veterinário do Parque, em Lisboa.

Trabalhou na União Zoófila de Lisboa, no Consultório Veterinário do Barreiro e no Hospital Veterinário dos Foros, antes de realizar um internato de um ano na École Veterinaire D’Alford, em França, nas áreas de cirurgia, ecografia e medicina interna de animais de companhia.

Durante este período frequentou diariamente a clínica oftalmológica do conceituado oftalmologista Marc Simon, com quem participou em inúmeras consultas e cirurgias oftálmicas, tendo então despertado particular interesse por esta área.

Ao longo dos 20 anos que se seguiram, participou em centenas de congressos e cursos em todo o mundo.

Realizou por várias vezes períodos de treino prático em Hospitais Veterinários de referência em Espanha, França, Reino Unido e EUA, em áreas como oftalmologia, ortopedia, medicina interna e emergências médicas.

Realizou várias formações na área de Gestão Médica.

Fundou, em 1994, a Clínica Veterinária da Póvoa, que num percurso de crescimento deu lugar ao Hospital Veterinário da Póvoa, onde é atualmente diretor clínico.

Perguntas

Patricia

Bom dia!A minha gata tem estado muito quieta para o que é normal.Não come,bebe,brinca...passa o tempo a dormir.Tenho notado que está com uma queda de pêlo fora do normal.O que fazer?

O veterinário responde

Boa noite Patricia,

Os sinais clínicos que a sua gata apresenta são muito inespecíficos sendo impossível chegar a um diagnóstico e deste modo aconselhar qualquer tipo de terapêutica.

Recomendo, então,  que procure ajuda do seu médico veterinário, com brevidade. Este irá realizar um exame clínico completo, recorrendo, eventualmente a exames complementares para alcançar um diagnostico e deste modo fazer o tratamento adequado.

Obrigado,

Carlos Sousa

Fernanda Simões

Apareceu no meu quintal uma gata que trouxe de outro sítio 6 filhotes,eles mamam, isto há 2 semanas,comprei comida para a mãe gata, porque estava muito magra,descobri que têm pulgas, o que faço?alguns ainda têm um dos olhos fechados tipo ramelas é normal?

O veterinário responde

Boa Noite Fernanda,

Tanto a mãe como os filhotes necessitam de desparasitação externa (pulgas e carraças) e interna (parasitas intestinais). O ideal seria levar a mãe e os filhotes ao seu veterinário para os pesar e avaliar o seu estado de saúde e assim aplicar o desparasitante e tratamento mais correto.

Obrigado,

Carlos Sousa

 

Atília Lopes

Boa tardea minha cadela tem 11 anos e numa ecografia de rotina foi-lhe diagnosticado uma massa no baço com pouco mais de 1 cm. Dizem que a única solução é a cirurgia para remover o baço. Não existem outras alternativas?Obrigada.

O veterinário responde

Bom dia Atília,

O que nos descreve é muito inespecífico, e como tal não é possível obter um diagnóstico nem modalidades de tratamento. Apenas o médico veterinário que examinou a sua cadela e realizou os exames complementares, conhecendo o caso em pormenor, estará apto para fazer considerações acerca do mesmo. Se desejar uma segunda opinião, o ideal seria dirigir-se a um outro centro de atendimento médico veterinário com a sua cadela e os exames realizados.

Obrigado,

Carlos Sousa

Patricia Vieira

Boa tarde,também respondem sobre periquitos?

O veterinário responde

Boa noite Patrícia,

O âmbito deste site diz apenas respeito ao gato e cão como animais de companhia. Assim, deverá procurar ajuda junto de um médico veterinário especialista em animais exóticos.

Obrigado,

Carlos Sousa

Mafalda

Boa tarde. Podemos usar óleos essenciais nos gatos? Se sim, quais? Obrigada

O veterinário responde

Boa noite Mafalda,

A utilização de óleos essenciais deve ser ponderada, tal como se faz com os fármacos, tendo sempre em consideração a espécie alvo e a dosagem. A principal preocupação com os óleos essenciais está relacionada com a menor quantidade de enzimas hepáticas nos gatos para o metabolismo destes compostos. Por outro lado, existem ainda substâncias utilizadas em pessoas que são tóxicas para os nossos animais de companhia. O contacto tópico / direto deve ser evitado ao máximo, e a utilização em difusores deve ser cautelosa, pela possibilidade de alterações do trato respiratório, principalmente do foro alérgico. Deverá contactar diretamente o seu veterinário para se informar acerca de algum produto em específico de forma a salvaguardar a saúde do seu animal.

Obrigado,

Carlos Sousa