Formulário de procura

O Veterinário responde

Veja aqui as mais populares e mais recentes perguntas feitas ao nosso veterinário.

Pergunta enviada

O nosso veterinário responderá à sua questão em breve.

Saiba tudo
sobre nutrição,
saúde e bem-estar
do seu animal de
estimação.

Conheça o nosso veterinário

Dr. Carlos Sousa

Carlos Sousa, licenciou-se pela Faculdade de Medicina Veterinária de Lisboa em 1991, realizando um sonho que alimentava desde criança.

Completou a sua licenciatura com o estágio curricular, na Faculdade Veterinária de Leon, em Espanha, e no Instituto Veterinário do Parque, em Lisboa.

Trabalhou na União Zoófila de Lisboa, no Consultório Veterinário do Barreiro e no Hospital Veterinário dos Foros, antes de realizar um internato de um ano na École Veterinaire D’Alford, em França, nas áreas de cirurgia, ecografia e medicina interna de animais de companhia.

Carlos Sousa, licenciou-se pela Faculdade de Medicina Veterinária de Lisboa em 1991, realizando um sonho que alimentava desde criança.

Completou a sua licenciatura com o estágio curricular, na Faculdade Veterinária de Leon, em Espanha, e no Instituto Veterinário do Parque, em Lisboa.

Trabalhou na União Zoófila de Lisboa, no Consultório Veterinário do Barreiro e no Hospital Veterinário dos Foros, antes de realizar um internato de um ano na École Veterinaire D’Alford, em França, nas áreas de cirurgia, ecografia e medicina interna de animais de companhia.

Durante este período frequentou diariamente a clínica oftalmológica do conceituado oftalmologista Marc Simon, com quem participou em inúmeras consultas e cirurgias oftálmicas, tendo então despertado particular interesse por esta área.

Ao longo dos 20 anos que se seguiram, participou em centenas de congressos e cursos em todo o mundo.

Realizou por várias vezes períodos de treino prático em Hospitais Veterinários de referência em Espanha, França, Reino Unido e EUA, em áreas como oftalmologia, ortopedia, medicina interna e emergências médicas.

Realizou várias formações na área de Gestão Médica.

Fundou, em 1994, a Clínica Veterinária da Póvoa, que num percurso de crescimento deu lugar ao Hospital Veterinário da Póvoa, onde é atualmente diretor clínico.

Perguntas

Olga

Boa tarde A minha gata teve bebes há quase um mês mas preciso de desparasita-lá pois ela foi para a rua e apanhou pulgas O que posso fazer? Posso dar algum desparasitaste? Muito obrigada

O veterinário responde

Boa noite Olga,

Deverá usar um produto indicado para a fase da lactação, e para isso deve consultar um médico veterinário para que este a aconselhe.

O grande problema do controlo das pulgas, não são as adultas, mas a contaminação massiva do ambiente por ovos e larvas que não se vêem, mas perpetuam a infestação. Assim, por cada pulga adulta que se vê, existem centenas de ovos e larvas escondidas: nas carpetes, frestas do soalho, por baixo de móveis, atrás de eletrodomésticos, etc. É, portanto, fácil de compreender que o combate eficaz desta infestação implique matar não só as pulgas que vemos no cão e no gato (5% do problema), mas também, as formas jovens, espalhadas pela casa e zonas exteriores. Existe uma variedade de produtos, que atuam nestas duas frentes:

- Para eliminar as pulgas adultas, estão disponíveis no mercado: coleiras, champôs inseticidas, pós, sprays, gotas de aplicação local (spot on) e comprimidos. Existem várias marcas comerciais com diferentes períodos de ação e diferentes eficácias. Deverá consultar o folheto informativo do produto que pretender, uma vez que a diferentes produtos correspondem diferentes posologias, nomeadamente a idade a partir da qual a sua aplicação é segura.

Para eliminar as formas jovens do ambiente, devemos recorrer a medidas mecânicas, físicas e químicas:

- As alcatifas, camas de animais e áreas de repouso na casa, devem ser aspiradas com um aspirador potente e, no final, deitar fora o saco do aspirador.

- As camas dos animais devem ser lavadas em água bem quente. Não usar palha ou algo similar nas suas camas.

- Existem, ainda, os sprays que podem ser espalhados pela casa e jardim, sobretudo nas zonas mais escondidas, para eliminar as larvas.

Qualquer que seja o método utilizado, evitar o acesso dos animais a zonas que sabemos estarem infestadas (jardins públicos, por exemplo), ajuda bastante.

Poderá optar pela utilização de dois produtos de ação distinta (por exemplo: pulgas adultas e ovos) de forma a eliminar de forma efetiva a infestação.

Aconselho a visualização do vídeo "Pulgas - como combatê-las?", na secção parasitas, aqui no petonline.

Obrigado,

Carlos Sousa

Fábio Quaresma

Boa tarde...Tenho um agapornis com um alto na barriga e não sei o que fazer, só à pouco é que vi isso e estou muito preocupado. O que me aconselha fazer?

O veterinário responde

Boa noite Fábio,

O âmbito deste site diz apenas respeito ao gato e cão como animais de companhia. Assim, deverá procurar ajuda junto de um médico veterinário especialista nestas espécies.

Obrigado,

Carlos Sousa

Gina Martins

Bom dia, estou a acolher como FAT 2 gatinhas. Uma está com o cio já há quase 1semana que "grita" dia e noite. No Veterinário e aconselharam-me pilusoft meio comprimido de 15 em 15 dias uma vez que só vou tê-las 3 meses. Quanto tempo demora a fazer efeito?

O veterinário responde

Boa Noite Gina,

A administração da pílula tem contraindicações sérias, e por essa razão não aconselho nunca o seu uso. A sua utilização pode culminar em infeções uterinas e tumores mamários, não sendo o método contracetivo mais aconselhável. Uma outra opção, de longe a melhor, é a esterilização (ovariohisterectomia) uma vez que é definitiva e traz grandes benefícios na prevenção de doenças do trato reprodutivo. A médio prazo, acaba por ser a solução mais económica.

Obrigado,

Carlos Sousa

carmofonseca 84@gmail.com

Se seguir a tabela da ração que está no pacote 60gr mais ou menos o meu gato fica com fome .Tenho uma medida que leva 100gr e mesmo isso acha pouco.Tem 8m castrado e não está gordo.A ração é Friskies gatos esterizados.O que devo fazer?

O veterinário responde

Bom dia,

Existem no mercado uma grande variedade de rações que efetivamente apresentam diferenças de qualidade e de preço. Deverá escolher uma ração que esteja associada a uma marca de referência e indicada para o seu animal (raça, peso, idade, etc). Uma boa ração deverá preencher todas as necessidades nutricionais do seu gato, não sendo preciso introduzir outros alimentos.

Deve optar por uma ração de qualidade, que ele goste, e que não provoque alterações gastrointestinais, nomeadamente fezes moles. 

Por razões de ordem ética, neste espaço não são referidas marcas. Sugiro que contacte diretamente o seu veterinário para que possa colocar-lhe todas as suas questões.

Obrigado,

Carlos Sousa

Anabela Silva

tenho um gatinho com 3 semana que um olho tem muita remela e não abre. Estou a limpar com soro. O que devo aplicar?Cumps,Anabela

O veterinário responde

Boa tarde Anabela,

É frequente os gatos, especialmente aqueles não vacinados, serem infetarem com vírus e bactérias do trato respiratório superior que provocam sinais clínicos como espirros, corrimento nasal, etc.

Os sinais que refere são muito inespecíficos, pelo que sugiro que a seu gatinho seja avaliado por um médico veterinário, de modo a realizar um exame físico detalhado para obter um diagnóstico e iniciar a terapêutica adequada.

Realço a importância de não administrar nenhum medicamento sem ordem médica, pois existem vários fármacos que são usados em medicina humana que são extremamente tóxicos, podendo ser mesmo letais, para os nossos animais de companhia.

Obrigado,

Carlos Sousa

Declaração de Cookies