Formulário de procura

O Veterinário responde

Fale com o nosso veterinário e esclareça as suas dúvidas..

Pergunta enviada

O nosso veterinário responderá à sua questão em breve.

Saiba tudo
sobre nutrição,
saúde e bem-estar
do seu animal de
estimação.

Conheça o nosso veterinário

Dr. Carlos Sousa

Carlos Sousa, licenciou-se pela Faculdade de Medicina Veterinária de Lisboa em 1991, realizando um sonho que alimentava desde criança.

Completou a sua licenciatura com o estágio curricular, na Faculdade Veterinária de Leon, em Espanha, e no Instituto Veterinário do Parque, em Lisboa.

Trabalhou na União Zoófila de Lisboa, no Consultório Veterinário do Barreiro e no Hospital Veterinário dos Foros, antes de realizar um internato de um ano na École Veterinaire D’Alford, em França, nas áreas de cirurgia, ecografia e medicina interna de animais de companhia.

Carlos Sousa, licenciou-se pela Faculdade de Medicina Veterinária de Lisboa em 1991, realizando um sonho que alimentava desde criança.

Completou a sua licenciatura com o estágio curricular, na Faculdade Veterinária de Leon, em Espanha, e no Instituto Veterinário do Parque, em Lisboa.

Trabalhou na União Zoófila de Lisboa, no Consultório Veterinário do Barreiro e no Hospital Veterinário dos Foros, antes de realizar um internato de um ano na École Veterinaire D’Alford, em França, nas áreas de cirurgia, ecografia e medicina interna de animais de companhia.

Durante este período frequentou diariamente a clínica oftalmológica do conceituado oftalmologista Marc Simon, com quem participou em inúmeras consultas e cirurgias oftálmicas, tendo então despertado particular interesse por esta área.

Ao longo dos 20 anos que se seguiram, participou em centenas de congressos e cursos em todo o mundo.

Realizou por várias vezes períodos de treino prático em Hospitais Veterinários de referência em Espanha, França, Reino Unido e EUA, em áreas como oftalmologia, ortopedia, medicina interna e emergências médicas.

Realizou várias formações na área de Gestão Médica.

Fundou, em 1994, a Clínica Veterinária da Póvoa, que num percurso de crescimento deu lugar ao Hospital Veterinário da Póvoa, onde é atualmente diretor clínico.

Coloque-nos as suas dúvidas

Esta área de perguntas e respostas só está disponível para Portugal. No entanto, poderá consultar em baixo as questões colocadas pelos utilizadores ao nosso veterinário.

MAFALDA AGUILAR

Bom dia envio um video, que nao sendo do meu cao, está mt perto,o meu cao é PA de 7 anos q foi castrado no Verao e dsd esse dia ficou pior .. tenho uma radiografia dele posso enviar...https://www.youtube.com/watch?v=pkBCSPacSkk

O veterinário responde

Boa noite Mafalda,

Para ter um diagnóstico definitivo de displasia de anca é necessária a realização de uma radiografia por parte do seu médico veterinário. Após o diagnóstico existem várias terapêuticas que podem ser instituidas consoante o nível de displasia que o seu cão apresente. As terapias vão desde administração de fármacos específicos até intervenção cirúrgica.

Assim sendo, recomendo que se aconselhe junto do seu médico veterinário que tem acompanhado de perto o caso do seu cão, uma vez que este possui todo o historial clínico do mesmo.

Obrigado,

Carlos Sousa

Filipa

O meu porquinho da Índia n come nem bebe água e não está a fazer fezes... está muito quieto aconteceu a 1 dia... dei lhe vitaminas mas n melhora... que posso fazer?

O veterinário responde

Boa noite Filipa,

O âmbito deste site diz apenas respeito ao gato e cão como animais de companhia. Assim, deverá procurar ajuda junto de um médico veterinário especialista nessas espécies.

Obrigado,

Carlos Sousa

Rui Martins

Boas. O meu cão tem uns calos nos cotovelos cor de rosa.. Parecem até vilosidades... Sabe o que possa ser?

O veterinário responde

Boa noite Rui,

Os calos são lesões de pele que aparecem com frequência em animais de médio e grande porte, causados pelo contato da pele com superfícies duras, mais comumente em cotovelos e calcanhares. Os principais fatores que levam ao seu aparecimento são: o piso e o peso do animal. Quanto mais rugoso for o piso, maior a fricção deste com a pele e consecutivamente maior a perda de pelo e o espessamento das regiões de contato.

Para prevenir o seu aparecimento, o piso deve ser macio e as camas devem ser almofadadas.

Relativamente ao tratamento, se não houver ferida no local, a pele do calo deve ser hidratada diariamente com substâncias adequadas. Caso haja ferida, com sangue ou pus, o animal deve ser examinado pelo médico veterinário para tratamento adequado.

Obrigado,

Carlos Sousa

Daniela Vieira

O meu gato apareceu me em casa com as duas orelhas mordidas e em sangue, o que posso eu fazer para lhe aliviar a dor visto que ele não para de miar?

O veterinário responde

Boa noite Daniela.

A situação que descreve requer que o seu gato seja observado por um veterinário.

 Qualquer ferida por mordedura requer que o animal seja examinado. As mordeduras infetam frequentemente e necessitam muitas vezes de ser suturadas para conseguirem cicatrizar convenientemente. Assim, sem um acompanhamento especializado, a probabilidade de existirem complicações é elevada.

Obrigado

Carlos Sousa

 

Sônia Maria

Boa noite O meu gatinho está muito mal não come ..és muito mal está a perder a respiracao me de uma dica para o ajudar ainda possível hoje

O veterinário responde

Boa noite Sónia,

Os sinais que refere, embora preocupantes, são muito inespecíficos. Sem examinar o animal é impossível indicar qualquer tipo de terapia. Assim sendo, recomendo que o seu gato seja consultado pelo seu médico veterinário com a maior brevidade para que possa obter um diagnóstico e inicar a terapêutica mais adequada.

Obrigado,

Carlos Sousa