Formulário de procura

O Veterinário responde

Fale com o nosso veterinário e esclareça as suas dúvidas..

Pergunta enviada

O nosso veterinário responderá à sua questão em breve.

Saiba tudo
sobre nutrição,
saúde e bem-estar
do seu animal de
estimação.

Conheça o nosso veterinário

Dr. Carlos Sousa

Carlos Sousa, licenciou-se pela Faculdade de Medicina Veterinária de Lisboa em 1991, realizando um sonho que alimentava desde criança.

Completou a sua licenciatura com o estágio curricular, na Faculdade Veterinária de Leon, em Espanha, e no Instituto Veterinário do Parque, em Lisboa.

Trabalhou na União Zoófila de Lisboa, no Consultório Veterinário do Barreiro e no Hospital Veterinário dos Foros, antes de realizar um internato de um ano na École Veterinaire D’Alford, em França, nas áreas de cirurgia, ecografia e medicina interna de animais de companhia.

Carlos Sousa, licenciou-se pela Faculdade de Medicina Veterinária de Lisboa em 1991, realizando um sonho que alimentava desde criança.

Completou a sua licenciatura com o estágio curricular, na Faculdade Veterinária de Leon, em Espanha, e no Instituto Veterinário do Parque, em Lisboa.

Trabalhou na União Zoófila de Lisboa, no Consultório Veterinário do Barreiro e no Hospital Veterinário dos Foros, antes de realizar um internato de um ano na École Veterinaire D’Alford, em França, nas áreas de cirurgia, ecografia e medicina interna de animais de companhia.

Durante este período frequentou diariamente a clínica oftalmológica do conceituado oftalmologista Marc Simon, com quem participou em inúmeras consultas e cirurgias oftálmicas, tendo então despertado particular interesse por esta área.

Ao longo dos 20 anos que se seguiram, participou em centenas de congressos e cursos em todo o mundo.

Realizou por várias vezes períodos de treino prático em Hospitais Veterinários de referência em Espanha, França, Reino Unido e EUA, em áreas como oftalmologia, ortopedia, medicina interna e emergências médicas.

Realizou várias formações na área de Gestão Médica.

Fundou, em 1994, a Clínica Veterinária da Póvoa, que num percurso de crescimento deu lugar ao Hospital Veterinário da Póvoa, onde é atualmente diretor clínico.

Coloque-nos as suas dúvidas

Esta área de perguntas e respostas só está disponível para Portugal. No entanto, poderá consultar em baixo as questões colocadas pelos utilizadores ao nosso veterinário.

jose belo

Ultimamente verifico o meu gato (nascido há 3 anos), como que com depressão (antes era brincalhão, solto) e agora está apático, pouco come, pouco bebe, quer estar sempre isolado, Que pode ser?

O veterinário responde

Boa noite José,

Os sinais clínicos que o seu gato apresenta são muito inespecíficos e podem estar associados a várias patologias. Assim como compreende é impossível chegar a um diagnóstico e deste modo aconselhar qualquer tipo de terapêutica.

Recomendo, então,  que procure ajuda do seu médico veterinário, com brevidade. Este irá realizar um exame clínico completo, recorrendo, eventualmente a exames complementares para alcançar um diagnostico e deste modo fazer o tratamento adequado.

Obrigado,

Carlos Sousa

Isabel Teixeira

Boa tarde,o meu gato tem 5anos, ta esterilizado mas qd vamos à aldeia, como é 1lugar descampado, deixo-o sair à rua.Hoje veio com o rabo estranho, n o levanta,como se tenha dores. Deixa k toque no rabo mas não se senta, só ta de pé ou deitado e n levanta

O veterinário responde

Boa noite Isabel,

O sinal que refere pode ser compatível com desconforto. São diversas as causas que podem causar esse desconforto (mordedura, traumático, etc) e, por isso, deve ser investigado. Aconselho que consulte o seu médico veterinário que através de um exame físico detalhado e, se necessário, a realização de exames complementares de diagnóstico (raio-x) possa descobrir a causa e iniciar a terapêutica adequada.

Obrigado,

Carlos Sousa  

sandra matos

A minha gata teve 4 gatinhos na segunda feira. Não percebi se ela os amamentava, mas 3 morreram ontem. Ela ainda tem a barriga grande e deitou sangue pela vulva. Terá ainda algum gatinho na barriga? Ela passou a noite muito agitada.

O veterinário responde

Boa noite Sandra, 

O sintoma que refere pode ser compatível com desconforto e, por essa razão, deve ser investigado.

É importante perceber se teve os gatinhos todos e se tem leite para amamentar. 

Aconselho que consulte o seu médico veterinário que através de um exame físico detalhado e, se necessário, a realização de exames complementares de diagnóstico (raio-x e/ou ecografia) possa descobrir a causa desse desconforto e iniciar a terapêutica adequada.

Caso a sua gata não tenha leite para amamentar deve recorrer a leite de substituição para o gatinho bebé, disponível comercialmente.

Obrigado,

Carlos Sousa

João Marques

Boa tarde Foi diagnosticado ao meu gato hemobartonelose e queria saber se não existe alguma operação que possa ser feita ,pra lem da medicação. Já teve a soro mas devido a isso ficou com hematomas nas patas e praticamente não como. Gostaria da sua opinião

O veterinário responde

Boa noite João,

A hemobartonelose ou anemia infecciosa felina é uma parasitose transmitida pela pulga que destrói os glóbulos vermelhos causando anemias severas. Após o diagnóstico, o tratamento é apenas através de antibióticos específicos e, em alguns casos, pode ser necessário transfusão sanguínea. 

Se o seu gato não está a comer deve ser reavaliado pelo seu médico veterinário de forma a instituir a terapêutica adequada.

Obrigado,

Carlos Sousa

Catarina Fernandes

O meu gato tem as duas vistas a chorar só na vista lado direito está a fechar e a ganhar muita romela, deixou-me de comer e cada vez está a ficar muito magrinho. O que posso fazer? Estou desesperada.

O veterinário responde

Boa noite Catarina,

Os sintomas que refere são inespecificos e graves pelo que deverá dirigir-se ao seu médico veterinário para uma consulta com a maior brevidade. 

São inúmeras as causas que podem conduzir ao quadro de anorexia (perda de apetite) que refere. É um sinal muito inespecífico, podendo portanto, estar presente em qualquer afeção. O olho fechado é um sinal de desconforto, pelo que terá mesmo de ser avaliada pelo seu médico.

O médico veterinário precisa de instrumentos próprios para poder observar o olho e  precisa também de realizar alguns testes mais específicos. 

Assim, e uma vez mais, recomendo que procure ajuda do seu médico veterinário com brevidade para fazer um exame clinico completo e oftalmológico e determinar o diagnóstico e o tratamento adequado.

Obrigado,

Carlos Sousa