Formulário de procura

Existem raças perigosas?

Segurança

00:00
5
A sua classificação: Nenhum (8 votes)

Enviar vídeo a um amigo

Preencha os campos indicados em baixo.

Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

O vídeo foi enviado.

Ocorreu um erro ao enviar o seu vídeo.

Tente novamente.

Descrição

Podemos dizer que não existem raças perigosas, mas sim cães perigosos. E "cão perigoso" é um cão que tenha mordido alguém, pelo menos uma vez,mas aplica-se virtualmente a todas as raças, porque todos os cães têm dentes e, por isso, todos podem morder.

Podemos dizer que não existem raças perigosas, mas sim cães perigosos. E "cão perigoso" é um cão que tenha mordido alguém, pelo menos uma vez,mas aplica-se virtualmente a todas as raças, porque todos os cães têm dentes e, por isso, todos podem morder.

Sem dúvida que existem raças que pelas suas caraterísticas, e herança genética, representam maior risco de agressividade e danos sérios que outras.

Aqui adaptar a caraterística do cão ao ambiente que será o seu é fundamental.

Depois vem a correta sociabilização e educação. São enormes os erros que, na maior parte dos casos, se cometem neste período crucial para o comportamento futuro do cão.

Um cão não educado pode ser perigoso, um cão ensinado para ser perigoso será, de certeza, perigoso.

Todos os donos deviam procurar informação credível, ou até mesmo fazer um pequeno curso de ensino e sociabilização para cachorros, antes de se lançar na tarefa de educar um.

Existem países em que apenas é passada licença para  posse de um cão, após a realização destes cursos básicos.

Antes de falarmos de maus cães falemos também de maus donos. Mau dono é aquele que maltrata o animal ao longo da sua vida, com especial ênfase nos primeiros anos.

Entenda-se por maltratar: punir sem lógica, gritar, bater, não alimentar convenientemente, não fornecer água em quantidade adequada, acorrentar, manter em local sem visibilidade para outros espaços, não sociabilizar o animal levando-o a conviver com pessoas ou outros animais, da mesma raça ou diferentes, faltar-lhe com cuidados de saúde, vacinação e desparasitação ou utilizá-lo em lutas onde sofra danos físicos ou psicológicos. Animais destes donos (por maldade uns, ignorância outros) fazem constantemente notícia por agressão a humanos.